É o nosso 19º Aniversário!

Análises de Mercado

05 de maio 2016

Relatórios da Mídia

Natalya Indeeva

Dólar recua e volta abaixo de R$3,55 em movimento de ajuste e sem atuação do BC (Principais Notícias de 05.05.2016)

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar caía nesta quarta-feira e era negociado abaixo de 3,55 reais, em movimento de ajuste após a alta de quase 4 por cento nas duas sessões passadas, e sem a atuação do Banco Central no mercado de câmbio.

Commodities

Vladislav Antonov

Até o fim da semana Brent limita-se a 44,17-46,30 USD

Após a publicação relatório sobre as reservas de petróleo, tanto o índice ISM quanto os dados sobre as novas encomendas industriais nos Estados Unidos apoiaram o fortalecimento do dólar. Consequentemente, o barril de Brent aumentou de preço para 44,99 USD. Na Ásia, as cotações subiram para 45,25 USD (+ 1,15%). O aumento nos preços acabou por registrada uma falsa quebra da linha de tendência, que começa a partir do mínimo de 05 de abril de 2016 a 37,27 USD. O preço do petróleo encontrou apoio técnico em torno do nível 44 USD, formado a partir das baixas de abril. Amanhã, sexta-feira, às 14:30 EET teremos o importante relatório de Non-Farm Payrolls, de modo que até lá o barril de Brent será negociado em uma faixa de preço entre 44,17- 46,30 USD.

Sessões de Mercado

Vladislav Antonov

Euro cai frente ao dólar para 1,1415

O câmbio EURUSD retornou para a linha de equilíbrio lb, levando as cotações para 1,1485. Os indicadores horários indicam fraca dinâmica. Levando em consideração o “Pinbar” formado em 03 de maio, nesta quinta-feira esperamos o enfraquecimento do euro em relação ao dólar para 1,1415. Ao final do dia, o câmbio poderá atingir 1,1395, marca superior da linha de tendência.
04 de maio 2016

Relatórios da Mídia

Natalya Indeeva

Brent cai 2% e volta a ser negociado abaixo dos US$ 45/b (Principais Notícias de 04.05.2016)

Investing.com - O petróleo cedeu 2% nesta terça-feira dando sequência ao pessimismo que ronda a commodity nos últimos três pregões, provocado pelo aumento de produção da Opep em abril. O Brent voltou a ser negociado abaixo de US$ 45/b, após uma semana acima desse patamar. O WTI é negociado a US$ 43,60.

Metais: ouro e prata

Vladislav Antonov

Ouro sobe ao longo da semana

Atualmente, as cotações de ouro atingiram o limite superior da tendência de alta formada no timeframe semanal. Uma vez que o ouro e o dólar estão correlacionados negativamente, será difícil para os traders atingir posições acima de 1.307 USD, o máximo atingido em janeiro de 2015. O dólar vem subindo desde terça-feira (03.05), o que causará um recuo no preço do metal para 1.203-1.206 USD. Após isto, é plenamente possível considerar o aumento do ouro ao longo da linha de tendência, até o máximo de 1.340 USD.

Escolher Período:

Nossos Analistas

Alexander Razuvaev
Alexander Razuvaev

Diretor do Departamento Analítico da Alpari

## ojimadu name
## ojimadu name

## ojimadu position

Vadim Yossub
Vadim Yossub

Analista Financeiro Sênior da Alpari

Ver mais Analistas
Voltar ao topo