Mais Análises

Os fatores de valorização do euro

Horário

Resultados das sessões de mercado

A semana passada foi marcada pelo suporte inesperado ao preço do euro provindo da demanda originada em países emergentes e pelo esfriamento das expectativas de aumento da taxa de juros nos EUA pelo FED em setembro. Depois do retorno a 1,1240, o par EURUSD recuperou-se a 112 graus para 1,1386. Na segunda-feira, o câmbio passou da linha U4 à U5 em 1,1497.

Quando o dólar se fortaleceu, os investidores puderam pegar empréstimo em euro com baixos juros e aplicaram os recursos fora da Zona do Euro. Agora, estão fechando as posições em euro, devolvendo o capital segundo a estratégia "carry trade".

Expectativas para o dia de hoje

Nesta segunda-feira, os mercados acionários da Ásia sofrem queda contínua devido à desaceleração econômica da China, a queda do petróleo o colapso no mercado de ações dos EUA. Uma vez que tudo se conecta, o mercado como um todo apresenta um desempenho cambaleante. Hoje não teremos publicação de alguma notícia importante, portanto os traders tomarão suas decisões com base na dinâmica dos índices.

O índice Nikkei do Japão caiu 3,21 %%, o sul-coreano Kospi 3,41%, o ASX australiano 3,36% e o NZX50 da Nova Zelândia 2,44%. Já o Shanghai SE Composite Index caiu para 8,04% e o Hang Seng para 4,35%. Os futuros sobre o DJIA estão sendo negociado a menos 2,40% e os do SP500 - em 2,30%.

Principais Notícias

  • Às 22:55 EET, discurso de D. Lockhart, membro do Comitê Federal para Abertura do Mercado do FED.

Análise Técnica

A meta técnica para o par EURUSD hoje é de 1,1497, durante a primeira metade da sessão europeia. O mínimo poderá ser de 1,1416, durante a sessão norte-americana. O fechamento ocorrerá a 1,1455. A volatilidade observada nas últimas 10 semanas é de 119 pips.

O euro caiu na sexta-feira a uma taxa que variou de 225 a 45 graus, retomando posteriormente o rally por todo o mercado. Cremos que hoje, na falta de eventos importantes, a moeda europeia fortalecerá frente ao dólar.

O EURUSD atingiu um importante ponto de resistência, de modo que ainda poderá subir mais. Prevemos a formação de um modelo em "W" com as seguintes metas: 1,1533 (máximo atingido em 02/03/15), 1,1750 (o limite superior do canal) e 1,2227 (50% de quenda - de 1,3993 a 1,0461).

Diário

No contexto de queda dos mercados acionários ao redor do mundo, o EURUSD retomou o corredor 1,1433-1,1466 como zona de resistência. Na semana passada, o euro moveu-se a 90 graus. Se a dinâmica de fortalecimento do euro frente ao dólar continuar, até o fim da semana atingiremos 1,17.

Semanal

Após a quebra da linha de tendência, o euro continuou seu curso a 90 graus. Se continuar seu curto, o eruo atingira 1,1773 a 112 graus.

Deixar comentários