Mais Análises

Dólar se enfraquece diante da situação norte-americana

Nova onda de vendas do dólar americano empurrou o câmbio EURUSD a 1,1434. Já a cotação da libra frente ao dólar está em 1,5810. Com o calendário europeu vazio, os traders estão vendendo dólar na esperança da publicação de dados negativos de abril sobre inflação e sobre os pedidos semanais de seguro-desemprego nos EUA.

Os boatos de que o FED irá aumentar as taxas de juros até o ano que vem vem ajudando, da mesma forma, a empurrar para baixo a moeda americana. Levando em consideração que os traders já se conformaram com a queda do USD, agora estabelecem metas pra o euro em 1,17 e 1,20. Acreditamos que o mercado está perto de uma reversão.

O câmbio EURUSD continua sensível à dinâmica dos títulos decenários alemães. Ao diminuir os rendimentos de 0,764 para 0,704, o euro caiu 40 pips. Quando os retornos se reestabeleceram, logo o par EURUSD recuperou-se. Dessa forma, o par EURUSD está sendo negociado a 1,1420 contra o máximo de 1,1444.

 Juntamente com o euro e a libra britânica, o ouro ficou mais caro diante das notícias. Na quarta-feira aumentou em 23 dólares seu preço (até 1218) depois da publicação dos dados de varejo nos EUA. O ouro tem ficado muito mais caro com os fracos informadores norte-americanos e logo barateia quando há melhoras no desempenho. Na primeira metade do dia, o índice do dólar DXY estava em baixa. Se as estatísticas não decepcionarem, na segunda metade espera-se um movimento corretivo. O euro estava sendo negociado sobre a linha U3 (suporte) e talvez rapidamente voltará a 1,1370.

Deixar comentários