EURUSD: padrão de reversão continua válido

Na segunda-feira, 29, a cotação do euro fechou em queda. O preço oscilou com força diante da declaração da chanceler alemã, Angela Merkel, e da divulgação de indicadores econômicos dos EUA.

Merkel decidiu encerrar sua carreira política. Ela não vai se candidatar ao posto de chanceler em 2021. O fortalecimento da moeda americana foi provocado pelas notícias positivas sobre os gastos do consumidor e sobre a queda da demanda pelos ativos de risco em resposta à correção para baixo nos índices da bolsa dos EUA. Os dados são importantes para o mercado, já que nos EUA se espera um aumento da taxa básica de juros para semana que vem.

Principais notícias (GMT+3)

  • 11:00 – Suíça: Índice de Indicadores Antecedentes KOF (out).
  • 11:55 – Alemanha: Variação no Desemprego (out).
  • 13:00 – Eurozona: PIB (anual), Confiança Industrial (out), Confiança do Consumidor (out).
  • 16:00 – Alemanha: IPC (out).
  • 16:00 – EUA: Preços de Imóveis S&P/CS Composto-20 (s.a.s.) (anual) (ago).
  • 17:00 – EUA: Confiança do Consumidor CB (out).

Fig.1 EURUSD, timeframe horário. Fonte: tradingview

Análise técnica

As expectativas de ontem se confirmaram. O preço caiu até o grau 45 e voltou a subir. O padrão de alta começou a perder força depois da queda de ontem. Arrisco a considerar uma alta do preço do grau 45 (1,1363) para 1,1425/30. Se a vela horária fechar abaixo de 1,1355, a previsão (traçada no gráfico) será cancelada. Nesse caso, os investidores podem se preparar para um mergulho até a mínima 1,1336.

Entre as notícias, o destaque ficará nos dados sobre o mercado de trabalho e o relatório de inflação na Alemanha.

Últimas análises

Todos tem a chance de lucrar

Você não precisa negociar sozinho para lucrar. Obtenha lucros investindo nas contas de traders experientes!

Cadastrar-se