É o nosso 19º Aniversário!

EURUSD: análise de mercado (14/02/18)

EURUSD: análise de mercado (14/02/18)

Hoje, dia 14 de fevereiro, antes do início da sessão europeia, o euro mantinha a tendência de alta em relação ao dólar. O par EURUSD está sendo negociado a 1,2383. Por conta dessa alta, o índice do dólar continuou caindo e já é negociado a 89,38 (-0,25%).

O interessante é que essa sequência de queda do índice do dólar há vários meses ocorre num ambiente de crescimento econômico dos EUA. Em 2017, o PIB do país cresceu 2,3%, e no primeiro trimestre de 2018, espera-se um crescimento maior, de 2,8%. Para mim, esse fenômeno é um reflexo da falta de confiança dos investidores globais na administração do presidente Trump. O novo presidente aplica uma política de autoisolamento no plano internacional, tanto do ponto de vista político quanto do econômico. Por exemplo, os EUA introduziram sanções contra a Rússia e contra a China, saíram do acordo Transpacífico, recusaram a proposta de uma zona de livre-comércio com a União Europeia e, além disso, conduzem um diálogo difícil com seus parceiros do NAFTA, México e Canadá. Esse autoisolamento ainda tem como pano de fundo um contínuo crescimento da dívida externa, que já está na casa dos US$ 20,6 trilhões, segundo a US Debt Clock.org. Exatamente por isso, a agência de classificação de riscos dos EUA Dagong baixou a classificação do crédito do país de A- para BBB+. Acredito que todos esses fatores seguirão pressionando o dólar no longo prazo.

No curto prazo, a quem vai entrar no mercado hoje, recomendo prestar atenção nos dados econômicos sobre a variação do PIB da Eurozona para o quarto trimestre de 2017, a serem publicados hoje às 08:00 (GMT-2), nas vendas a varejo e na divulgação da inflação dos EUA para janeiro, às 11:30 (GMT-2).

Os dados sobre a economia dos EUA influenciarão significativamente o par EURUSD, que agora está testando, no timeframe de H1, o fundo do padrão do topo duplo (“linha do pescoço”), formado no nível 1,2380.

Se os dados sobre a economia dos EUA forem ruins, o EURUSD manterá a tendência de alta e aos poucos chegará ao nível do topo duplo (cenário C1, no gráfico), ou seja, em torno de 1,2480-1,2520. Mas se os dados forem positivos, o par EURUSD, após testar a “linha do pescoço”, dará um giro para baixo, até os níveis do fundo registrado por último no padrão de topo duplo (cenário C2, no gráfico), que se dá em 1,2190-1,2290.

Considero que haverá um resultado positivo para o dólar nos dados sobre o PIB, se este crescer 2%. Abaixo disso, são más notícias para a moeda dos EUA.

Enquanto escrevo, o par EURUSD é cotado a 1,2380.

15 de fevereiro, 09:16 (GMT+3)
EURUSD: análise de mercado (15/02/18)

Atenção:

Os prognósticos apresentados nas análises constituem a visão pessoal do autor. Os comentários feitos não podem ser considerados recomendações ou guia de trabalho nos mercados financeiros. A Alpari de modo algum fica responsável por algum prejuízo (ou outro dano), direto ou indireto, que possa surgir pelo uso do material publicado.

Mais análises deste Especialista

Veselin Petkov
17 de dezembro, 16:41 (GMT+3)
Bitcoin: o pior está por vir
03 de dezembro, 15:37 (GMT+3)
EURUSD: Análise de Mercado (03 /12 /18)
12 de novembro, 16:55 (GMT+3)
DXY: Análise de Mercado (12/11/18)

Nossos Analistas

Alexander Razuvaev
Alexander Razuvaev

Diretor do Departamento Analítico da Alpari

## ojimadu name
## ojimadu name

## ojimadu position

Vadim Yossub
Vadim Yossub

Analista Financeiro Sênior da Alpari

Ver mais Analistas
Voltar ao topo