É o nosso 19º Aniversário!

Euro cai diante das minutas do FOMC e baterá 1,304

Resultados das Sessões de Mercado

Nesta terça-feira (17.05), o par euro / dólar fechou com uma ligeira queda, deixando o máximo de 1,1348 por fatores ligados provavelmente à publicação sobre a inflação nos Estados Unidos, a qual, aliás, aumentou. Da mesma forma, o aumento do preços de petróleo também influenciaram no par.

O índice de preços ao consumidor em abril nos Estados Unidos saiu melhor do que o esperado, derrubando o euro / dólar para 1,1301.

Da mesma forma, não observamos rally do dólar mesmo após a publicação de dados positivos sobre a produção industrial nos EUA. O índice em abril subiu 0,7% em comparação com o 0,2% da previsão e do valor anterior de - 0,9%. Mesmo diante das estatísticas positivas do volume de construção de novas casas o dólar não subiu.

Expectativas para Hoje

Hoje, o evento-chave para o dólar será a publicação das atas da reunião da Comissão para Mercado Aberto do Fed norte-americano (FOMC). Diante do evento prevemos que o par atingirá 1,1255-60 na parte da manhã, seguido por uma recuperação de 1,1304 após a publicação das minutas.

Principais Notícias

  • Às 10:30 EET, dados do mercado de trabalho: índice de variação média salarial e número de pedidos de seguro-desemprego, bem como a taxa de desemprego, Reino Unido;
  • Às 11:00 EET, dados finais sobre o índice de preços ao consumidor para abril, Zona do Euro;
  • Às 16:30 EET, alteração nas reservas de petróleo entre 09-15 maio, EUA;
  • Às 20:00 EET, minutas do FOMC.

 

Análise Técnica:

A meta técnica para o par EURUSD hoje é de 1,1258, durante a primeira metade da sessão europeia. O mínimo poderá ser de 1,1304, durante a sessão norte-americana. O fechamento ocorrerá a 1,1304.

O traders estão em dúvida sobre como o par euro / dólar atingiu ontem o nível 1,1301. Na segunda à noite, os vendedores conseguiram bloquear a alta observada na Ásia e derrubaram o par para 1,1284. Hoje, cremos que irão testar o nível 1,1260. Caso a correção atinja 1,1282, teremos a continuação da tendência de baixa.

A partir do grau 67, considero que o euro poderá se recuperar para o nível de 1,13, uma vez que os traders fecharão suas posições curtas antes da publicação das atas do FOMC. Todavia, é patente que ninguém espera que o Fed realize o aumento da taxa de juros em junho, de modo que, se o euro não retornar ao 1,13 ao fechamento do dia, cairá para 1,1080

Atenção:

Os prognósticos apresentados nas análises constituem a visão pessoal do autor. Os comentários feitos não podem ser considerados recomendações ou guia de trabalho nos mercados financeiros. A Alpari de modo algum fica responsável por algum prejuízo (ou outro dano), direto ou indireto, que possa surgir pelo uso do material publicado.

Mais análises deste Especialista

Vladislav Antonov

Nossos Analistas

Alexander Razuvaev
Alexander Razuvaev

Diretor do Departamento Analítico da Alpari

## ojimadu name
## ojimadu name

## ojimadu position

Vadim Yossub
Vadim Yossub

Analista Financeiro Sênior da Alpari

Ver mais Analistas
Voltar ao topo