Mais Análises

Semana ditará comportamento do petróleo no médio prazo

Resumo das sessões negociais

Os traders das sessões asiáticas e europeias acabaram por suspender a tomada de decisões mais importantes em abrir ou fechar suas posições, enquanto discutem a fracassada reunião da OPEP realizada neste domingo. Uma vez que o Irã se recusou a participar, a Arábia Saudita também não assinou o projeto do acordo sobre  o congelamento do volume de produção do petróleo. Esta notícia levou a uma queda dos preços do petróleo e ao aumento da demanda do o iene e do ouro.

Durante a sessão europeia, o barril de Brent recuperou de 40,55 para 42,43 USD. De fato, esta semana será de grande importância para o mercado de hidrocarboneto, uma vez que se os preços se mantiverem acima de 37,50 USD, um padrão de “dinâmica lateral” será formado que durará até a próxima reunião da OPEP, a ser realizada em junho, em Viena. Neste caso, os relatórios que serão preparados pelo Instituto Americano do Petróleo e pelo Departamento de Energia dos Estados Unidos serão os principais fatores de suporte das cotações.

O par EURUSD vem sendo negociado a 1,1308 e o par GBPUSD a 1,4177. O evento chave da semana será a reunião do BCE e conferência de imprensa a ser conduzida por Mario Draghi. Amanhã, terça-feira, o mercado espera o discurso dos presidentes de três grandes reguladores: Glenn Stevens, do Reserve Bank of Australia; Mark Carney, do Banco da Inglaterra e Stephen Poloz, do Bank of Canada.

Deixar comentários