EURUSD: o par tenta recuperar após uma queda prolongada

Na segunda-feira, 24 de fevereiro, a negociação no euro estava em alta em 0,05% aquando do encerramento. Durante a sessão de trading nos EUA, os altistas puseram novamente as mãos sobre as perdas matinais sofridas na sequência das notícias vindas de Itália em relação ao coronavírus. Elevou-se uma nova onda de preocupação entre os investidores com o aumento acentuado no número de novos casos de coronavírus registados no norte de Itália.

Hoje, o número de casos em Itália é de 229. (um aumento de 72 em relação a segunda-feira), sete pessoas morreram. De acordo com os dados mais recentes, o número total de casos ultrapassou os 80 mil. Até agora, morreram 2699 pessoas com o vírus, enquanto mais de 27 mil pessoas foram curadas.

O aumento da epidemia do coronavírus fora da China contribuiu para o encerramento de posições de risco, como resultado o iene e o ouro tiveram apoio. A taxa de câmbio do ouro aumentou rapidamente e atingiu um novo máximo de $1.689 USD por onça (o mais elevado desde 2013). A cotação do petróleo caiu 4,5% para $55,71 USD. O Índice de Receio VIX atingiu um novo máximo de seis meses (26,35).

Na sessão americana, o euro recebeu suporte, que resultou na fragilidade do dólar dos EUA entre expetativas de uma flexibilização da política monetária da Reserva Federal dos EUA. De acordo com a previsão, a probabilidade de um corte nas taxas em julho é de 79,9%. O par recuperou depois para 1,0872.

Notícias de hoje (GMT+3):

  • 10:00 Alemanha: Produto Interno Bruto (em relação ao trimestre anterior) (T4).
  • 14:00 Reino Unido: pesquisa de comércio distributivo CBI- realizado (em relação ao mês anterior) (Fev.).
  • 17:00 EUA:  índices dos preços de habitação S&P/Case-Schiller (em relação ao ano anterior) (Dez.).
  • 17:45 EUA: discurso de Kaplan do Fed.
  • 18:00 EUA: confiança do consumidor, índice industrial do Fed de Richmond (Fev.).
Рис. 1

Situação atual:

À data da redação, o euro está a negociar nos 1,0849. Foi formado um canal ascendente no TF horário. A cotação está a flutuar no 45.º nível. O euro está a tentar ganhar terreno, com base no aumento da expetativa em relação ao possível estímulo à economia por parte do Sistema da Reserva Federal dos EUA, mas mantém-se vulnerável ao coronavírus.

Do ponto de vista técnico, a recuperação do EURUSD parece uma correção normal. O crescimento é instável, como o próprio modelo de preço, e, por isso, de acordo com a previsão, deveremos considerar uma queda para 1,0816. A balance line (SMA55) irá fornecer um apoio intermédio perto da marca de 1,0835. Se, por algum milagre, o nível de 1,0835 se mantiver e a cotação voltar a 1,0882, depois do ressalto deverá considerar-se uma correção brusca para 1,0947.

Últimas análises

Todos tem a chance de lucrar

Você não precisa negociar sozinho para lucrar. Obtenha lucros investindo nas contas de traders experientes!

Cadastrar-se

Há um site melhor para você

Um novo e emocionante site com serviços que se adaptam melhor à sua localização foi lançado recentemente!

Inscreva-se aqui para receber seu Bônus de Boas-vindas de 30%.