Mais Análises

China propõe a criação de uma zona de livre comércio nos países da OCS

Durante a reunião do Conselho de Chefes de Estados entre os membros da Organização de Cooperação de Xangai, o primeiro-ministro Li Keqiang apresentou formalmente a idéia de criar uma zona de livre comércio com o objetivo de viabilizar a livre circulação de bens, capitais, serviços e tecnologia entre os Estados membros da OCS em 2020.

Observa-se na Ásia a ampla proliferação dos processos de integração com vistas a uma organização mais eficaz dos interesses comuns na região. Isto é em parte, deve-se frizar, do esforço crescente das posiçãos contra a influência dos EUA região da Ásia-Pacífico, que estão sendo mantidos excluídos destas categorias.

As iniciativas integracionistas estão sendo apoiadas pelos países-membros da OCS. Anteriormente, idéias semelhantes já tinham sido anunciadas, em particular, no ano de 2003. Todavia, agora, dado o agravamento da situação geopolítica na região, os países asiáticos estão priorizando a implementação mais rápida tais projetos.

Deixar comentários